Cartografia

Escala em Mapas

Todo mapa representa algum elemento ou fenômeno que se localiza no espaço geográfico. Para a construção de um mapa, é necessário o uso de alguns princípios matemáticos que consigam determinar o quanto você deve reduzir as informações que existem na realidade, para poder confeccionar um mapa.
Uma escala (E) de um mapa, quer nos mostrar a relação que existe entre um elemento do espaço geográfico, com o mapeamento deste. Ou seja, representa a relação entre a distância real (D) do elemento com a distância no mesmo representado em um mapa (d).
= distância no mapa
= distância real
E = Escala
Para calcular, usamos a fórmula:
Nas contas de escala, deve-se necessáriamente fazê-las usando as mesmas medidas de comprimento que são: Quilómetro (km), Hectómetro (hm), Decâmetro (dam), Metro (m), Decímetro (dm), Centímetro(cm), Milímetro (mm). Pode-se usar a conversão da seguinte forma:
  • ESCALA NUMÉRICA
Aparece a relação de quantas vezes o mapa foi reduzido. Por exemplo: 1/100.000 ou 1:100.000. Quer diquer que o mapa foi reduzido 100.000 vezes, ou seja, se algo no mapa tem 1cm de distância, no real, representam 100.000cm.
  • ESCALA GRÁFICA
Na escala gráfica, não aparece a relação do real com o mapeado diretamente, mas contêm o “D”, que é de 2km; o “d” terá que ser medido. Aproximadamente, tem 1,7 cm. Desta maneira é possível calcular a Escala, usando a fórmula descrita anteriormente.
Escala Gráfica
Fonte: Software ArcGis 9.3
Exemplo 01:
Para um rio que no mapa de 1:50.000 tem 50cm, qual será a distância real deste rio?
d = 50cm
D = ?
E = 50.000
jogando na fórmula (d / D = 1 / E)
50cm / D = 1 / 50.000 (fazer regra de três)
50cm x 50.000 = D x 1
2.500.000cm = D
D = 25.000m
D = 25km
Exemplo 02:
Para uma estrada que no mapa mede 80cm e sua distância real é de 80km, qual é a escala do mapa?
d = 80cm
D = 80km
E = ?
jogando na fórmula (d / D = 1 / E)
80cm / 80km = 1 / E (colocar na mesma medida de comprimento)
0,000.8km / 80km = 1 / E (fazer regra de três)
0,000.8km x E = 80km x 1
E = 80km / 0,000.8km
E = 100.000
ou seja
a escala numérica do mapa é de 1:100.000
  •  TAMANHO DA ESCALA
As escalas variam de mapa para mapa. Contudo, o tamanho delas deve ser apropriado com a finalidade que o mapa vai ser feito. Por exemplo, quando dizemos que um mapa tem escala grande é porque a quantidade de detalhes no mapa é grande, e quando a escala é pequena é porque tem menos detalhe, em função da enorme área que este pode abranger.
 
Escalas grandes de detalhe para escalas pequenas, indo da Cidade do Vaticano para Roma, Itália e Europa (nesta última, percebe-se que a área mapeada aumenta, mas perdem-se os detalhes)
Fonte: http://geografia3ciclo.blogspot.com/2011/04/tema-mapas_21.html


Fonte do texto acima: http://professoralexeinowatzki.webnode.com.br/

Sobre o autor

Gabriel Caldeira

Técnico Ambiental, Blogueiro, youtuber, adepto a esportes radicais em meio a natureza, professor de geografia e de vários cursos virtuais, atualmente está cursando Geografia na PUC Minas. Trabalha incansavelmente, para promover o compartilhamento de informações relevantes na rede, escreve, grava, edita e compartilha todo tipo de coisa que envolva a geografia.
É aspirante a documentarista, engajado nas causas ambientais e sempre caminha no sentido da inovação.

Me siga: https://www.instagram.com/gabrielgeografando/

Deixe um comentário